Terça-feira, 14 de Abril de 2009

* A vida que levamos *

 

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando se vê já é sexta-feira!
Quando se vê, já é Natal...
Quando se vê o ano terminou...
Quando se vê, passaram 50 anos!

Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado, um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...

Dessa forma, eu digo: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá, será a desse tempo que infelizmente nunca mais voltará

 

[ Desconheço o autor ]

publicado por ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ às 23:00
link do post | comentar | favorito
:
De suavetoque a 15 de Abril de 2009 às 00:21
Saudades...
Saudades do tempo que não volta.
O ontem já se foi, o amanha ainda não chegou.
Então viver o momento, o que temos é nosso dever.
Beijos

Suave Toque
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Abril de 2009 às 21:49
Olá minha querida,

tenho pena que as coisas não tenham corrido bem,
fico triste por ti...

Vive o dia a dia querida e não esmoreças, cabeça erguida e caminha em frente.

Beijito carinhoso
De tn a 15 de Abril de 2009 às 01:39
Estrelinha: por que não encontro o link que me permi-te adicioná-la como amiga?
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Abril de 2009 às 21:50
Querida não encontras porque eu o retirei, mas passo na tua loja e depois já consegues através do e-mail que recebes de notificaçao...

beijito amiga
De O Gato a 15 de Abril de 2009 às 06:44
A vida é um simples click .
Tão curta que quando damos por ela já passou.
Por isso é que não vale a pena ligarmos a coisas banais mas sim às mais importantes.

BJ
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Abril de 2009 às 21:52
Gato

A vida é curta mesmo, e como tu mesmo dizes: quando damos por isso já a vida passou por nós e nem a gozámos...

Abolutamente de acordo...

Beijito meu.
De M.Luísa Adães a 15 de Abril de 2009 às 08:45
Estrelinha

Muito bom o texto de um desconhecido, mas eu conheço-o e ao seu estilo de escrever, mas neste instante não lembro o nome. Que pena!
Obrigada por o apresentares.

Beijos,

Maria Luísa
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Abril de 2009 às 21:53
Mª Luísa minha querida,

tenho pena de nao saber quem é o autor desta bela lição de vida pois dar-lhe-ia os devidos créditos...

Obrigado eu...por gostares da minha escolha...

beijito carinhoso.
De M.Luísa Adães a 16 de Abril de 2009 às 10:35
Estrelinha

Não sei o autor, mas sei que recebi o poema num
email da Net, daí a minha lembrança.

Mas eu gostei tanto que reconheci as palavras.
Soubeste escolher!

beijos,

Maria Luísa
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 16 de Abril de 2009 às 12:37
Mª Luísa,

realmente tenho pena de não saber quem é o autor, dar-lhe-ia a autoria do poema, assim ficará com autor desconhecido, paciência.

Obrigado por teres gostado...

Beijito amiga.
De Fisga a 15 de Abril de 2009 às 12:09
OLÁ MINHA QUERIDA AMIGA ESTRELINHA. EU TAMBÉM NÃO CONHEÇO O AUTOR, MAS QUE O POEMA É LINDO, ISSO NÃO SE PODE NEGAR. EU ADICIONEI-O AOS MEUS FAVORITOS, SERÁ UM TESTEMUNHO NO FUTURO DO QUE FOI O PASSADO E O QUE É AINDA O PRESENTE, OU SEJA QUE O DEVER QUE SE TRAZ PARA CASA E QUE NORMALMENTE É DA MULHER, QUE SEJA CADA VEZ MAIS DOS DOIS, PARA MIM JÁ HÁ MUITO QUE É DOS DOIS, MESMO NÃO SENDO MERECIDO, SEMPRE FIZ QUESTÃO DE AJUDAR, SEJA NA RUA OU EM CASA.
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Abril de 2009 às 21:55
Boa noite amigo Eduardo,

fico contente por o teres levado para os teus favoritos , é sinal que gostaste da minha escolha para postar por aqui...

Obrigado pla tua amizade sempre presente e... o meu beijinho Eduardo?

Beijito carinhoso.
De Fisga a 16 de Abril de 2009 às 18:48
Ó minha querida amiga. Eu não só gostei, eu adorei amei e ainda tentei comer, mas acho que não combina bem. Mas acredita que adorei. Beijinho grande para ti minha amiga. Eduardo.
De Fisga a 16 de Abril de 2009 às 15:38
Olá amiga. SE não é ser maçador, diz-me como posso chegar até à estrela de mim, mas explica-me isso assim como quem fala para o menino de 2 aninhos, porque eu pouco mais tenho, basta ires ao meu B. I. do blog para veres que é pura realidade. Obrigado pela atenção que sei vais ter Um beijinho Eduardo.
De Fisga a 17 de Abril de 2009 às 17:29
Olá amiga estrelinha, É só para te dizer. Não, não é um desafio. Que o endereço que me mandaste não abre o estrela de mim. Beijinhos Eduardo.

Comentar post



*Estrelas a ver*

online

*Já passaram por aqui*

Contador acessso

*Hora Estrelar*

*Fada protectora do Blog*

D.M Graphics

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28



links

posts recentes

Não é um conto de fadas

Além da Terra, além do Cé...

Porque chora uma mulher?!

*Andei Léguas de Sombra *

*Happy new year*

*Natal*

*Parabens minha jóia*

*Fernando Pessoa*

*Sejamos*

*Choro de uma mulher*

arquivos