Segunda-feira, 11 de Junho de 2007

OS POEMAS

Os poemas que não se lêem estão em cofre fechados,escondidos em bosques encantados por fadas e duendes.são cores,águas e sombras,luzes e chuvas,vazios e ventos que as fadas e os duendes fazem sair,nos meninos travessos e no brilho dos olhos  das princesas,e os poemas crescem nas barbas dos poetas que se encantam com as travessuras dos meninos,e com os olhos das princesas e as palavras se cruzam,compõe-se e descompõem-se descruzam-se,e os poetas e os meninos e meninas demoram-se olhos nos olhos…olhos nos olhos…olhos nos olhos…e multiplicam-se os poetas, e do relâmpago dos olhares soltam-se estrelas que fazem mais Fadas e Duendes,que guardam mais cofres,escondidas em mais bosques e depois há poema…poema…poema…

0010xd1b
publicado por ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ às 00:00
link do post | comentar | favorito
:
De efeneto a 13 de Junho de 2007 às 00:31
Como é bom vir "saborear" este cantinho nem que seja para ver cofres abertos pela sua fada madrinha...beijo e até nos encontrarmos algures no meio das palavras...efeneto
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 14 de Junho de 2007 às 16:01
amigo efeneto,como é bom receber a tua visita muito obrigado plas tuas palavras tem um resto de um bom dia ,meu beijinho carinhoso para ti

Comentar post



*Estrelas a ver*

online

*Já passaram por aqui*

Contador acessso

*Hora Estrelar*

*Fada protectora do Blog*

D.M Graphics

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28



links

posts recentes

Não é um conto de fadas

Além da Terra, além do Cé...

Porque chora uma mulher?!

*Andei Léguas de Sombra *

*Happy new year*

*Natal*

*Parabens minha jóia*

*Fernando Pessoa*

*Sejamos*

*Choro de uma mulher*

arquivos